quarta-feira, 21 de outubro de 2015

O GRANDE COMÉRCIO OCEÂNICO - SÉCULOS XVII E XVIII

A partir do século XVI a Europa e o mundo entram numa era de grande desenvolvimento económico e comercial devido à intensificação das trocas comerciais entre todos os continentes. Esse facto  tornou-se possível graças às viagens transoceânicas realizadas pelos portugueses durante os séculos XV e XVI.

A par da rota do Cabo desenvolve-se no século XVII a rota triangular no Atlântico que permite trocas intensas entre as Américas e a Europa.
Mercadorias exóticas e mão de obra escrava transformam-se nos instrumentos geradores de elevados lucros para os mercadores europeus de Lisboa, Bordéus, Amsterdão e Londres. (Doc. 2, p.75)

Visualiza o percurso da viagem referida no documento no mapa da p. 74.
Identifica a rota de comércio a se refere o documento.
Sintetiza, num pequeno esquema, as trocas efectuadas pelo capitão na viagem.
Indica os produtos transaccionados em maior quantidade através dessa rota.
Descreve o circuito mercantil conhecido como "comércio triangular".

As alunas Raquel Santos e Sara Sousa devem colocar aqui a sua resposta à última atividade pedida: Descrever o circuito mercantil conhecido como "comércio triangular".
Devem publicar a resposta até à próxima 5ª feira, dia 29.

3 comentários:

  1. O circuito mercantil consistia na troca de produtos entre a Europa, a África e a América. Da Europa para a África levavam mercadorias, como o vinho, a aguardente, o licor, os panos e outras, destinadas à troca por escravos. Da África para a América transportavam os escravos, que vendiam como mercadoria e da América para a Europa levavam os produtos da colónia.
    Raquel Santos nº 21

    ResponderEliminar
  2. O circuito mercantil conhecido como "comércio triangular" consistia em levar, da Europa para África, produtos de pouco valor como a pólvora, panos, vinho, aguardente, etc, para trocar por escravos que, por sua vez, iam ser levados para a América para serem vendidos nas várias colónias que lá existiam. Com o dinheiro das vendas, compravam produtos de interesse, como o algodão, o tabaco, o açúcar, para serem então levados para a Europa e vendidos. Toda esta rota formava uma espécie de triângulo, daí vir o nome comércio triangular.

    Ana Sara Sousa

    ResponderEliminar
  3. Boas descrições. O texto da Sara salienta-se por a explicitação ser mais pormenorizada.

    ResponderEliminar